segunda-feira, 9 de maio de 2011

O Velho "Buck"

                      SPLASH

     a ilusão é pensar que você está apenas
     lendo este poema.
     a realidade é que isto é
     mais que um
     poema.
     isto é a faca do mendigo.
     isto é uma tulipa.
     isto é um soldado marchando
     sobre Madri.
     isto é você no seu
     leito de morte.
     isto é Li Po rindo
     lá embaixo.
     isto não é a porra
    de um poema.
     isto é um cavalo adormecido.
     uma borboleta em
     seu cérebro.
     isto é o circo
     do diabo.
     você não está lendo isto
     numa página.
     a página é que está lendo
     você.
     sacou?
     é como uma cobra.
     é uma águia faminta
     rondando o quarto.

     isto não é um poema.
     poemas são um tédio,
     eles te fazem dormir.

     essas palavras te arrastam
     para uma nova
     loucura.

     você foi abençoado,
     você foi atirado
     num
     lugar que cega
     de tanta luz.

     o elefante sonha
     com você
     agora.
     a curva do espaço
     se curva e ri.

     você já pode morrer agora.
     você já pode morrer do jeito
     que as pessoas deveriam
     morrer:
     esplêndidas,
     vitoriosas,
     ouvindo música,
     rugindo,
     rugindo,
     rugindo.

                                     Charles Bukowski
                                      (Revista Coyote)
                             

Um comentário:

  1. Clarice Sant Anna30 de maio de 2011 22:33

    Na minha primeira vez com Bukowski, não gostei.
    Hoje foi diferente.

    ResponderExcluir